Métodos

O questionário ESS em Portugal é aplicado em campo usando o modo CAPI. O questionário suplementar é aplicado presencialmente como uma extensão da entrevista principal. O questionário é aplicado em Português. O questionário aplicado baseia-se no questionário geral, mas é incluída informação específica do país (e.g., lista de partidos políticos, religiões, sistema educativo e estado civil) ou são feitas adaptações para reflectir o contexto nacional.

Amostras do ESS são representativas de todas as pessoas com idade igual ou superior a 15 anos (sem limite superior de idade) residentes em habitações privadas em Portugal, independentemente da sua nacionalidade, cidadania ou língua. Os indivíduos são seleccionados através de métodos de probabilidade aleatória estrita em todas as etapas do processo de selecção, tendo em vista uma amostra efectiva mínima de 1500 entrevistas (após descontados os efeitos do desenho amostral.

O desenho amostral do ESS em Portugal é um desenho probabilístico por amostragem aleatória estratificada e exclui as seguintes áreas: Açores e Madeira e localidades com menos de 10 lares. A base de amostragem usada é ‘Area Sampling’ e é uma amostra de moradas.